Mini revela cupê do hatch Cooper

AutoEsporte – Agora é para valer. Após exibir o protótipo e ver o carro (camuflado) de testes em diversas publicações e sites mundo afora, a MINI enfim revelou nesta terça-feira (21) o Cooper Coupe. A nova opção de carroceria do compacto britânico tem apenas dois lugares e, nesta primeira aparição em formas definitivas, traz o pacote esportivo John Cooper Works (JCW) – para não deixar dúvidas quanto à sua proposta.

O cupê – o primeiro da marca inglesa controlada pela BMW – é o quinto integrante da família MINI, formada pelo hatch Cooper, a perua Clubman, o roadster/conversível Cabrio e o utilitário esportivo Countryman. Sua estréia mundial será em setembro, no Salão do Automóvel de Frankfurt, na Alemanha. No mesmo mês suas vendas já terão início na Europa e mesmo em outros mercados, como o brasileiro.

Um dos destaques do novo Cooper Coupe é o aerofólio retrátil, que fica escondido na parte traseira – trata-se do primeiro MINI com três volumes claramente ressaltados. O desenho segue a identidade dos outros modelos, com destaque para o teto curtinho e arqueado – com pintura (vermelha) diferente do restante da carroceria na fotos. Três versões serão oferecidas: a normal, a esportiva S e a preparada JCW.

Sob o capô, o Cooper Coupe carrega a mesma mecânica dos outros modelos da MINI. Na configuração básica, o motor 1.6 16V aspirado de quatro cilindros a gasolina rende 122 cavalos de potência, acoplado ao câmbio manual de seis marchas – a transmissão automática de seis velocidades é opcional. Já na versão turbo S, o bloco despeja 184 cv, potência que salta para fortes 211 cv no modelo preparado da série John Cooper Works.

Deixe aqui seu comentário

comentários

Parceiros